Dois seguranças de uma obra que está sendo feita na Santa Casa de Belo Horizonte, no bairro Santa Efigênia, região Leste, foram rendidos nesta quarta-feira (10) por um homem que entrou no local, amarrou os vigias e fugiu levando armas e munição. 
Uma das vítimas contou à Polícia Militar que estava sozinho no local, porque era horário de almoço dos pedreiros quando tocaram a campainha.
Sem perguntar quem era, achando ser um dos serventes, o segurança abriu o portão e foi imediatamente rendido pelo homem que estava armado com um revólver. Depois de rendê-lo, amarrá-lo, e roubar sua arma, o suspeito exigiu que ele fizesse contato com outro segurança, pedindo que fosse até lá. 
Quando esse segundo segurança chegou, também foi rendido. O homem levou os dois para a sala onde ficava um cofre com as armas da vigilância, exigiu as chaves e, depois de abri-lo, roubou um outro revólver calibre 38 e cerca de 20 cartuchos.
O suspeito deixou os dois amarrados e fugiu. Algum tempo depois, os seguranças conseguiram se desamarrar e chamaram a PM, que fez buscas na região com a ajuda das câmeras do Olho Vivo, porém, até o momento, ninguém foi preso. 

Publicidade