Um rapaz de 23 anos, suspeito de aplicar golpes financeiros pela internet, foi preso pelo serviço de inteligência da Polícia Milita em Montes Claros, na região Norte de Minas, no fim da noite de quinta-feira. Conforme a investigação, o jovem simulava falsos empréstimos pela web, depois cobrava depósito de tarifa para abertura do crédito, que nunca acontecia. 
A polícia localizou o suspeito após investigação que tentava identificar um homem suspeito de tentativa de homicídio em Contagem, na Grande BH. Na casa deste homem foi localizado um escritório, com computadores e anotações de clientes, vítimas do golpe que prometia empréstimos. Além de R$ 3.500 em dinheiro, R$ 260 em moedas e uma Carteira Nacional de Habilitação (CNH) com a foto dele, mas com outro nome. O rapaz contou à PM que comprou o documento falso por R$ 1.000 em Belo Horizonte.
O Golpe
Para atrair as vítimas, o rapaz oferecia empréstimos com condições “facilitadas”. Após o primeiro contato, convencia as pessoas sobre o depósito. Segundo a polícia, o dinheiro era repassado em contas de comparsas, que atuavam como laranjas em Belo Horizonte. Em um dos casos, uma pessoa pediu R$ 20 mil de empréstimo e depositou ao golpista cerca de R$ 1.330, que seria a tarifa para abrir o crédito.

Para a polícia, o rapaz confessou os golpes.O suspeito foi encaminhado ao Presídio Regional de Montes Claros em função do mandado em aberto por tentativa de homicídio. Quanto ao crime de estelionato, as investigações serão repassadas para a delegacia de área, que assumirá o caso.


Publicidade