AnuncioTop

Ultimas Notícias

recent

Projeto ‘Nascentes de Furnas’ vai recuperar 400 nascentes em Minas, saiba mais

18/11/2017
Foi lançado nesta sexta-feira (17), o projeto “Nascentes de Furnas”, que visa assegurar a disponibilidade de recursos hídricos de rios que abastecem o Reservatório da Usina Hidrelétrica de Furnas. A iniciativa é de Furnas Centrais Elétricas S/A e da Associação dos Municípios do Lago de Furnas (Alago).

O lançamento do projeto ocorreu em um evento em Furnas, no município de São José da Barra, que contou com a participação de associados à Alago, incluindo cerca de 40 prefeitos de municípios que integram a associação.

As ações que incluem cercamento, reflorestamento, fiscalização e desassoreamento de nascentes, terão início em dezembro deste ano e seguirão até dezembro de 2018. Os trabalhos serão realizados nos 40 municípios do entorno do Lago de Furnas que estão localizados nas Regiões Centro-Oeste, Sudoeste e Sul de Minas.

A superintendente de gestão ambiental de Furnas, Letícia Leite, chamou atenção durante o lançamento do projeto para a responsabilidade ambiental da empresa, que busca com essas ações integração com o meio ambiente.

“A Usina de Furnas não é simplesmente uma estrutura de concreto, de aço, é muito mais que isso, ela é um empreendimento que está inserida em uma região e como tal, precisa ser preservada e, esse projeto traduz muito bem isso. Uma nova integração desses dois universos”, disse.

Em desenvolvimento, o projeto será capaz de contribuir com o aumento da vazão disponível para captação nas nascentes, reduzindo o risco de escassez de água nos municípios localizados no entorno do lago. “Além disso, o projeto vai possibilitar a redução do risco de contaminação e, claro, melhoria da qualidade e quantidade da água disponibilizada para uso nas propriedades sediadas em áreas rurais”, destacou o Secretário Executivo da Alago, Fausto Costa.

O Projeto será implantado nos municípios do entorno do Lago de Furnas e que integram a Alago.  Fazem parte do projeto 400 nascentes que já foram incluídas na primeira etapa de execução. As ações de reflorestamento, controle de erosão, dentre outras, vão contribuir com o aumento no volume de águas nos cursos d’agua que atendem as captações para abastecer a população da região, e também aumentar as águas dos rios que alimentam o Lago de Furnas. Podendo ser expandido em uma segunda etapa.

Nascentes envolvidas na ação

Os critérios para a seleção das nascentes foram minimamente estabelecidos conforme a localização geográfica, sendo escolhidas as que desembocam no Reservatório da Usina Hidrelétrica de Furnas. Outro critério foi escolher as nascentes cujos proprietários assumam a responsabilidade pela manutenção do plantio.

Para avançar ainda mais e crescer no intuito de operacionalizar as ações, o presente Projeto irá buscar parcerias nos diferentes segmentos sociais para construção de soluções compartilhadas que serão desenvolvidas entre a Alago e outras organizações, podendo ser empresas, universidades, ou instituições que possam convergir num processo de melhoria da disponibilidade hídrica e da qualidade de vida nas microbacias. 


As nascentes serão reflorestadas por Furnas e esse plantio será mantido pelos produtores rurais, bem como as  prefeituras, que poderão firmar convênios para a realização dessas atividades. Observa-se que a previsão em superfície total, de forma a abranger as 400 nascentes é de 50,4 hectares a serem plantados.

Caberá à Furnas elaborar o projeto, efetuar o plantio das mudas, iniciar ações como o cercamento e o acompanhamento técnico. À Prefeitura caberá o cadastramento dos produtores interessados, que realizarão a manutenção das áreas. O plantio atingirá 20 metros no entorno de cada nascente, preferencialmente na mesma microbacia. 



Municípios envolvidos no projeto
Quarenta municípios da região Centro-Oeste do estado, Sudoeste e Sul, integram a Alago, sendo eles: Aguanil, Alfenas, Alpinópolis, Alterosa, Areado, Boa Esperança, Cabo Verde, Camacho, Campo Belo, Campo do Meio, Campos Gerais, Cana Verde, Candeias, Capitólio, Carmo do Rio Claro, Conceição da Aparecida, Coqueiral, Cristais, Divisa Nova, Elói Mendes, Fama, Formiga, Guapé, Ilicínea, Juruaia, Lavras, Machado, Muzambinho, Nepomuceno, Paraguaçu, Perdões, Pimenta, Ribeirão Vermelho, São João Batista do Glória, São José da Barra, Serrania, Três Pontas, Piumhi, Poço Fundo e Varginha.

Publicidade
Projeto ‘Nascentes de Furnas’ vai recuperar 400 nascentes em Minas, saiba mais Reviewed by DestakNews Brasil on 12:38 Rating: 5
Postar um comentário
DESNEWS

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.