AnuncioTop

Ultimas Notícias

recent

Com maior crescimento populacional de Minas, Nova Serrana vira polo de trabalhadores

02/10/2017

Prefeitura estima que 75% dos moradores de Nova Serrana são forasteiros, atraídos pelo polo calçadista. Mais trânsito, lixo e violência embaçam a prosperidade

Com Estado de Minas/DestakNews




O lixão onde se acumulam rejeitos das fábricas de calçados, que atraem gente de toda parte do país, e do consumo da cidade dá a dimensão do crescimento populacional do município do Centro-Oeste mineiro (Foto: Beto Novaes/EM/DA Press)
 
Nova Serrana – Lana Sobrinho, de 33 anos, deixou o Vale do Jequitinhonha e se mandou para Nova Serrana em busca de uma vida melhor. Pelo mesmo motivo, Elias Alves Nunes, de 42, trocou o interior de São Paulo pela cidade do Centro-Oeste mineiro. Paulo Rocha, de 64, também foi para lá. Saiu do Vale do Rio Doce. Assim como o trio, uma multidão migrou para Nova Serrana. Ao ponto de a prefeitura estimar que cerca de 75% da população veio de fora.

A cidade registra, há anos, o maior crescimento populacional entre os 853 municípios mineiros. Resultado: Nova Serrana é a capital dos sotaques. Há gente do Nordeste do país, do Sul brasileiro e até do exterior, como conta o taxista Elias: “Um amigo nosso, também chofer de praça, é português”.
O motivo da explosão demográfica não é segredo para ninguém: a pujança econômica garantida pelo polo calçadista não para de atrair gente de outras bandas. Em 2000, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a população de lá era de 37.447 pessoas.

A notícia continua após a publicidade 
Este ano alcançou 94.681 – alta de 153%. De 2016 para 2017, o aumento foi de 2,54%, de 92.332 pessoas para 94.681 homens e mulheres. O percentual pode até ser pequeno, mas Nova Serrana foi a única cidade do estado a superar os 2% de aumento num acumulado de 12 meses. Mas vale um parêntese: a população flutuante de lá também é grande, pois muitos moradores de cidades vizinhas trabalham no município.

Eles reforçam o coro dos forasteiros: todos os caminhos levam a Nova Serrana – o nome da cidade é uma homenagem ao apelido de Pitangui, a Velha Serrana, do qual o município se emancipou, em 1954, quando deixou de ser o distrito de Cercado. Desde então, quem nasce lá é nova-serranense. Mas Nova Serrana é a cidade de todos os sotaques.
 
 


 
Lana comemora o sucesso, mas sentiu o peso de ter sido assaltada

 Lana, que deixou o Vale do Jequitinhonha, se mandou para lá no fim da década de 1990. Deixou Novo Cruzeiro, no Jequitinhonha, terra castigada por longas estiagens e carência de mercado formal de trabalho. A região também não conta com ampla oferta de cursos superior. Lana, partiu da terra natal, queria trabalhar e estudar. Como ainda diz, “vencer na vida”.

Ela venceu: foi coladeira em chão de fábrica de calçado e, sempre atenta às novas oportunidades, cresceu no mercado e montou uma empresa em sociedade, a Nova Cal, que oferece coloridos pares. “Também apostamos nas vendas virtuais (www.nishoes.com.br)”, conta Lana.




Elias trocou o interior de São Paulo pela cidade mineira e se queixa do trânsito (Foto: Beto Novaes/EM/DA Press)

Elias, o taxista, levou para a cidade o sotaque típico do interior de São Paulo. “Deixei São José dos Campos há 19 anos. Quando cheguei aqui, a população era de 23 mil pessoas. Atualmente são quase 95 mil. Aqui só não trabalha quem não quer”. Paulo Rocha, também chofer de praça, concorda com o amigo. Ele saiu de Inhapim, no Vale do Rio Doce, e foi para BH.

 

Com maior crescimento populacional de Minas, Nova Serrana vira polo de trabalhadores Reviewed by DestakNews Brasil on 22:21 Rating: 5
Postar um comentário
DESNEWS

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.