O desafio era imenso e o Cruzeiro entrou em campo preparado para tal. Apesar de ter saído atrás do placar contra o Flamengo, neste domingo (16), no Mineirão, o time de Mano Menezes mostrou maturidade e evitou a derrota em casa na 14ª rodada do Brasileirão. E valeu a estrela do treinador.

Hoje em Dia


Num jogo de bastante equilíbrio de forças, mineiros e cariocas duelaram de igual para a igual e o resultado não poderia ter sido outro. O empate, em 1 a 1, manteve a equipe rubro-negra no G-4 e, apesar de não ter sido o melhor resultado para os celestes, manteve a Raposa na cola do pelotão de frente.
Antes de a bola rolar, a imagem marcante foi a confraternização das duas torcidas no entorno do estádio. Em clima totalmente pacífico, flamenguistas e cruzeirenses deixaram gostinho daquilo que seria ideal em toda e qualquer partida de futebol. Dentro do Mineirão, a briga foi apenas no gogó. E como cantaram!
Durante os 90 minutos, teve gol de Everton, para os visitantes, e de Sassá, que acabara de substituir Elber, para o Cruzeiro. Se no primeiro tempo a bola insistiu em não entrar, na volta do intervalo Fábio e Thiago precisaram ir até o fundo das redes para buscá-la.

A matéria continua após à publicidade.