AnuncioTop

Ultimas Notícias

recent

Goleiro Bruno se apresentará à Justiça nesta quarta-feira

26/04/2017
Bruno disputou cinco jogos pelo Boa Esporte
 
Hoje em Dia
 
Bruno Fernandes, de 32 anos, deve se apresentar à Justiça nesta quarta-feira (26), em Varginha, no Sul de Minas. A informação foi confirmada pelo advogado de defesa do goleiro, Lúcio Adolfo. Na terça-feira (25), o  Supremo Tribunal Federal (STF)  determinou a volta do goleiro para o sistema prisional. Ele havia sido liberado mediante habeas corpus em fevereiro porque um  recurso apresentado pela defesa ainda não havia sido apreciado pela segunda instância, caracterizando excesso de prazo na prisão, segundo entendimento do ministro Marco Aurélio Mello, que concedeu a liminar.
Apesar da apresentação espontânea, o documento do STF que determina a revogação da liberdade do goleiro ainda não foi enviado ao Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG). A expectativa é a de que este documento seja entregue ao longo do dia.
O juiz da 1ª Vara Criminal de Varginha, Oilson Hoffmané, definirá para qual complexo penitenciário Bruno será levado. O TJMG informou que, sem a documentação do STF, nenhum procedimento a respeito da prisão do goleiro pode ser realizado.
Apresentação
Ainda na noite dessa terça-feira, o goleiro Bruno Fernandes se apresentou à Polícia Civil de Varginha, no Sul de Minas, onde estava hospedado junto com os demais jogadores do Boa Esporte. Segundo a corporação, o jogador foi liberado porque ainda não havia mandado de prisão expedido. Bruno apenas assinou uma certidão se comprometendo a se apresentar quando o documento oficial estivesse pronto. O arqueiro foi até a delegacia acompanhado dos dirigentes do clube.
Condenação
Bruno Fernandes foi preso em 2010 e condenado em 2013 pela morte de Eliza Samudio. Em fevereiro deste ano, ele foi beneficiado com uma liminar que garantiu sua liberdade por 61 dias. Em março, o goleiro começou a defender o Boa Esporte, que disputa a segunda divisão do Campeonato Mineiro.
O advogado Lúcio Adolfo confirmou que, com a prisão do goleiro, o contrato de trabalho com o clube fica rescindido automaticamente. “O contrato prevê que se Bruno for incapaz de exercer as funções, ele perde o vínculo com o clube sem custo para nenhuma das partes”, explica. A reportagem entrou em contato com os dirigentes do clube, mas ninguém atendeu as ligações.
Goleiro Bruno se apresentará à Justiça nesta quarta-feira Reviewed by DestakNews Brasil on 15:18 Rating: 5
Postar um comentário
DESNEWS

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.