AnuncioTop

Ultimas Notícias

recent

Policiais suspendem recebimento de cadáveres no DML do Espírito Santo

06/02/2017

"Corpos estão jogados no chão como se fosse um campo de batalha na Síria", diz delegado

Gazeta Online

 Corpos no chão no DML de Vitória

Em virtude da superlotação de cadáveres no Departamento Médico Legal (DML), policiais civis suspenderam o recebimento de novos corpos nesta segunda-feira até que a situação seja normalizada.
Eles pediram à chefia da Polícia Civil para que sejam providenciadas novas câmaras refrigeradas ou veículos que possam manter os corpos em condições adequadas.
Segundo o presidente do sindicato dos delegados, Rodolfo Laterza, as 12 câmaras estavam ocupadas e outros 16 corpos estavam espalhados pelos corredores.
"Novos corpos só serão admitidos quando a lotação máxima esvaziar. É barbaridade ter um cadáver no chão, independentemente de ser um suspeito. Estão jogados no chão como se fosse um campo de batalha na Síria", declarou.

O Departamento Médico Legal de Vitória (DML) atingiu o limite de sua capacidade de operação por conta dos homicídios registrados neste final de semana na Grande Vitória. De acordo com o Sindicado dos Policiais Civis (Sindipol), mais 52 corpos chegaram o local e aguardam liberação. Grande parte deles está espalhada pelo chão ou em cima de macas.


Presidente de sindicato fecha portas do DML por GazetaOnline
De meia-noite até as 11 horas desta segunda-feira (06), 28 corpos deram entrada no prédio. O DML tem capacidade para 60 corpos dentro das geladeiras, e os espaços já estavam todos ocupados.
As cenas descritas por familiares é de espanto. "Uma cena brutal", disse o eletricista Mauro Trugilho, 35 anos, que foi liberar o corpo do sobrinho de 21 anos. O rapaz foi assassinado em Porto de Santana, Cariacica, na madrugada de domingo (05). Ele chegou às 6h, e até às 11h ainda aguardava atendimento. 
"Vi uma cena de guerra. Não conseguimos fazer o reconhecimento e não sabemos quando é que vamos conseguir", disse outro familiar que não quis se identificar.
Segundo Jorge Emilio Leal, presidente do Sindicato dos Policiais Civis do Espírito Santo (Sindipol), o DML não tem profissionais suficientes para fazer o trabalho de liberação e autópsia dos corpos. Ele informou que faltam até médicos legistas no local. "A situação dentro do DML é caótica. O sistema está precarizado e é um reflexo da falta de políticas de segurança pública", afirmou.


Publicidade:

 

Policiais suspendem recebimento de cadáveres no DML do Espírito Santo Reviewed by DestakNews Brasil on 19:45 Rating: 5
Postar um comentário
DESNEWS

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.