O Atlético está prestes a perder dois volantes que foram titulares na reta final de 2016. A posição, com a saída de Junior Urso e a iminente despedida de Donizete, virou primordial para a montagem do elenco para 2017. O nome de Roger Bernardo, volante do futebol alemão foi ligado ao Galo, mas o empresário do jogador negou qualquer tipo de proposta.
"Ficamos sabendo pela imprensa isso daí. Eu trabalho com o jogador há 13 anos e quem representa ele em qualquer negociação sou eu. E ninguém me ligou, ninguém falou com ele. Então, impossível que tenha algum negócio sem ter falado com essas duas partes. Não existe nada", disse Décio Berman, que trouxe Rosinei ao Atlético em 2013, ao Hoje em Dia.
O atleta que deixou o Brasil em 2009 rumo ao Energie Cottbus e está na Bundesliga defendendo o Ingolstadt, teria um acerto encaminhado com o Atlético, segundo informações do repórter Léo Gomide, da Rádio Inconfidência. O jogador de 31 anos tem contrato até julho de 2017. Se o agente nega o acerto com o Galo, afirma, entretanto, a vontade de Roger em sair para outro centro do futebol.
"Ele tem contrato até julho de 2017, agora, e o time dele quer renovar o contrato com ele. O Roger está querendo mudar de ares um pouco, viu? Ele tem um contrato grande lá (em termos financeiros), porque a partir do momento ele que optar por voltar ao Brasil, terá de fazer algumas concessões, financeiras, principalmente", afirmou o empresário.
Roger Bernardo atua como titular do Ingolstadt na Bundesliga e, se ficar, precisa ajudar o clube a sair da zona de rebaixamento. Além de volante defensivo, o jogador pode desempenhar a função de um terceiro zagueiro. Seria uma opção de reposição para a provável saída de Leandro Donizete.