Polícia Civil ganha reforço de 121 novos investigadores

Omar Freire/Imprensa MG
 Cerimônia

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou na manhã desta segunda-feira (21), a formatura de 121 novos investigadores. Essa é a segunda turma de policiais formados em 2016. Em agosto, outros 945 novos ingressaram na instituição, totalizando 1.066 novos profissionais. Participaram da solenidade, o secretário de Segurança Pública, Sergio Menezes, representando o governador do Estado de Minas Gerais, Fernando Pimentel, o chefe da Polícia Civil, João Octacílio da Silva Neto, os membros do Conselho Superior da instituição, representante da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros, além de deputados e outras autoridades.

 Durante o evento, o aluno Sidemar Caetano de Oliveira leu o juramento, e convidou os demais formados a repeti-lo. Pamela Alves Machado de Souza foi a oradora e relembrou os momentos em que os aspirantes passaram na Acadepol. “Há alguns meses éramos rostos desconhecidos, semblantes apreensivos, olhos curiosos, dominados por uma imensa vontade de vencer. Hoje, somos um novo reforço para a Segurança Pública do Estado e tenho orgulho em dizer, que nós assumimos o compromisso de proteger o Estado Democrático de Direito, estando sempre prontos para servir o cidadão e fazer cumprir a lei”, afirmou. 

O secretário de Segurança Pública, Sergio Menezes, reforçou o compromisso do governo com a Segurança Pública. “A Polícia Civil de Minas Gerais é uma das melhores polícias, se não, a melhor. Podem ter certeza, não faltará apoio para que a nossa Polícia continue crescendo e se destacando. Estou muito feliz em está aqui hoje. Esse momento é de grande emoção e que vocês levarão para a vida toda. Boa sorte e parabéns”, finalizou.


O chefe da Polícia Civil, João Octacílio Silva Neto, relembrou o seu ingresso na instituição. “Vendo vocês aqui, me faz relembrar, em 1991, quando me formei detetive, o que me fez sentir e reviver a felicidade e a honra de ingressar na PCMG. Desejo a todos, sucesso nessa nova jornada e tenho certeza que serão excelentes profissionais”, destacou. “Agradeço ao Governo de Minas, pelo empenho em melhorar a nossa Polícia. Não só com viaturas, mas também, na dedicação em aumentar o nosso efetivo”, acrescentou.


Os novos policiais passaram por curso na Acadepol (Academia de Polícia Civil), durante quatro meses.  As aulas tiveram inicio no mês de agosto e terminarão em 24 de novembro. As aulas variaram em conteúdos práticos e teóricos. Entre as disciplinas podemos destacar investigação, técnicas de interrogatória, treinamento de ação policial, defesa policial, noções de direito, noções de criminalística e Instituto Médico Legal, manejo de armas de fogo.

A formanda Erica Machado, disse que é uma satisfação e um grande sonho realizado. “Estamos realizando um sonho. Me sinto segura, apta  e pronta a servir à Segurança Pública. Esses foram meses de muito aprendizado”, destacou.

O formando Guilherme Mendes ressaltou o aprendizado. “Esses meses que passamos na Acadepol foi de grande aprendizado. O curso foi completo, os professores muito preparados. Gostei bastante. Me sinto capacitado para exercer minha função de policial. Agora, a expectativa é ir para delegacia e começar a praticar ”, comemora.

Os investigadores serão distribuídos por todo o Estado de acordo com critérios técnicos e objetivos que compreendem a nota classificatória do concurso e a análise da demanda de novos policiais em cada região. A previsão legislativa, os índices de criminalidade e violência, bem como o tamanho da população, serão critérios adotados para a distribuição dos novos investigadores.