Novas informações sobre o casal encontrado morto dentro de apartamento em Divinópolis/MG



De acordo com o que foi apurado, na noite deste domingo (13), por volta das 23hs, um vizinho do casal, percebeu uma discussão no apartamento e posteriormente, um barulho de três disparos, em seguida não ouviu mais barulho no local.

 Casal de noivos Gabriel e Helena Pacheco em foto publicada em página social dela (Foto: Facebook/Reprodução)

O Soldado Gabriel Oliveira Andrade de 24 anos, era lotado no Pelotão de Carmo do Cajuru. Na manhã desta segunda-feira (14), o comandante do Pelotão, sentiu a falta do militar que não compareceu no turno de serviço, foi tentado contato, porém sem êxito.
Diante do fato, foi feito contato com o pai do Gabriel que também é militar, o mesmo tentou contato com o filho, porém não teve êxito, motivo pelo qual deslocou até a residência do filho, onde verificou que a porta estava trancada, ao visualizar por uma janela, notou que o filho e a noiva Helena Campos Pacheco de 23 anos, estavam caídos ao solo já sem vida.
A perícia foi acionada, juntamente com o delegado e um investigador, onde realizaram os trabalhos.
Uma das hipóteses é a de que o policial tenha atirado contra a noiva e depois cometido suicídio.