Geralmente, mães costumam dar um carinho enorme a seus filhos. No entanto, um vídeo que está levando o pavor às redes sociais, mostra que nem sempre as mulheres estão preparadas para ter um filho. Uma mulher, identificada como Aygul Kozhabaevna, ficou conhecida em todo o planeta por um motivo muito cruel, bater muito em seu filho. E nem era uma lição por algo errado que ele pudesse estar fazendo, muito pelo contrário. O filho dela é um recém nascido. Ela não parava de bater nele porque ele chorava demais e não queria parar de mamar. A criança com fome e machucada, acaba chorando ainda mais com a forma como a mãe dela a trata.
O vídeo tem menos de um minuto, mas o espancamento é evidente. Acriança foi estapeada 42 vezes em 57 segundos de gravação. Um número inacreditável. O caso aconteceu bem longe do Brasil, na cidade de Almaty, no Cazaquistão. Não demorou muito para que o castigo dessa monstra chegasse. De acordo com informações do portal de notícias da RedeTV!, em reportagem publicada nesta terça-feira, 22, a mulher acabou sendo presa depois que realizou a iniciativa. As imagens que comprovam as agressões, no entanto, foram registradas no mês de agosto. Nessa ocasião, ela tinha ido à casa de um amigo. Ele, percebendo que a mulher era muito agressiva com o bebê, decidiu gravar o que estava a acontecer, afim de tentar ajudar aquele pobre bebê.
O vídeo viralizou recentemente, meses depois da gravação, chegando até a polícia, que passou a investigar o caso e conseguiu identificar e localizar a mulher. Infelizmente, esse tipo de abuso familiar é bem comum. Cenas como essa são registradas na vida de muitas crianças todos os dias, não só naquele país, como em diversas partes do mundo. Almas Sadubaev, porta-voz da polícia local, disse que as imagens são reais e que a mulher acabou confessando que realmente bateu no filho. Ela argumentou que estava emocionalmente abalada. A mulher também falou que não é fácil criar um filho sozinha e que é fácil julgar-la. Então tá. #Crime #Investigação Criminal.