Incêndio em convento provoca morte de freira em Belo Horizonte

De acordo com o Hospital Madre Tereza, localizado próximo ao local, outras quatro freiras deram entrada na unidade e estão em observação

Da Agência Brasil

Um incêndio na madrugada desta quarta-feira (23) no Convento São Francisco, em Belo Horizonte, provocou a morte de uma freira de 82 anos. O fogo atingiu os dormitórios, onde estava a irmã Valéria Carvalho. Ela teve o corpo carbonizado. De acordo com o Hospital Madre Tereza, localizado próximo ao local, outras quatro freiras deram entrada na unidade e estão em observação. Elas apresentam quadro clínico estável.
Duas dessas quatro irmãs foram encaminhadas ao hospital por meio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Segundo a Secretaria de Saúde da capital mineira, uma delas tem 86 anos e teve queimadura de segundo grau na região frontal e nas mãos. A outra, de 55 anos, apresentou escoriações no nariz e hematoma frontal.
O convento, vinculado à rede Clarissas Franciscanas, fica localizado em um casarão antigo no bairro Caiçara, na zona noroeste da capital mineira. O imóvel ficou parcialmente destruído. De acordo com a Defesa Civil, ainda há riscos de desabamento de uma das lajes e de queda de reboco. As causas do incêndio são desconhecidas e estão sendo investigadas pela Polícia Civil. O laudo pericial deve ser concluído em 30 dias.
Segundo o Corpo de Bombeiros, uma chamada avisando do incêndio foi recebida às 5h10. Foram deslocadas para o local quatro viaturas. Por meio das redes sociais, os bombeiros divulgaram um vídeo das chamas. Ao menos 50 pessoas passavam a noite nos dormitórios atingidos, que ocupam dois andares. A parte superior foi a mais comprometida. O fogo foi controlado no início da manhã.