Deic prende 8 integrantes de quadrilha especializada em invadir banco de dados de grandes empresas



Policiais civis da 4ª Delegacia de Polícia de Investigações sobre Crimes Cometidos por Meios Eletrônicos do Deic de SP, realizaram na manhã desta terça-feira (8), uma importante ação contra uma quadrilha responsável por invadir sistemas operacionais de grandes redes de comércio e do sistema financeiro.

A operação batizada de “Ludificatio” (enganar), cumpriu 8 mandados de prisão e 14 mandados de busca nas cidades de São Paulo, Diadema e Barueri.

Os policiais localizaram o imóvel onde os equipamentos eram fabricados, na Estrada dos Pinheiros, em Barueri.

A operação é o resultado de 18 meses de apurações desenvolvidas pela 4ª DIG, que descobriu que os envolvidos desenvolveram equipamentos, os quais, a partir de um simples leitor de código de barras utilizado na consulta de preços, conseguiam assumir o controle dos computadores, desviando dinheiro das vendas e pulverizando esses valores em inúmeras contas bancárias.

A quadrilha conseguia inverter fluxo de informações utilizando como porta de entrada equipamentos que até então não requeriam maior atenção por parte dos sistemas de defesa dos programas.

O golpe, antes de ser descoberto, provocou prejuízos de, pelo menos, R$ 800 mil. As investigações detectaram vários equipamentos instalados em diversos ramos de atividades comercial e bancária. Calcula-se que o prejuízo poderia chegar a R$ 25 milhões.

Fonte e fotos: Deic
APCS/DGPAd - eov (c)