Chuva forte atinge região metropolitana de BH fim de semana será nublado

Uma forte chuva surpreendeu os moradores da região metropolitana de Belo Horizonte na tarde desta sexta-feira (4). Apesar do susto, nenhuma ocorrência foi registrada até o momento segundo o Corpo de Bombeiros. 

O Tempo
Em Contagem, na região metropolitana, e no Barreiro, na capital mineira, a chuva forte acompanhada de ventos durou cerca de 10 minutos, porém, uma precipitação fraca persiste na região.  
Na Via Expressa de Contagem. Já por volta das 15h30, os bombeiros foram acionados para atender uma inundação no bairro Boa Vista, na região Leste de BH. Conforme a solicitante, a água já estaria entrando em sua casa, na rua São José de Arimateia.
Mais cedo, a Defesa Civil de BH emitiu um alerta para o risco de chuva de 20 a 30 mm, acompanhada de raios e ventos de 50 km/h. O aviso é válido até 23h desta sexta-feira. Por volta das 13h, o órgão avisou sobre a possibilidade de granizo em Santa Luzia e Cidade Administrativa, porém, a reportagem não encontrou relatos de chuva com gelo nestas regiões.
O meteorologista Luiz Ladeia, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a chuva é ocasionada por uma frente fria que atinge desde o Mato Grosso, passando pelo Triângulo, Sul de Minas, Zona da Mata e região Central mineira. "Ela causa chuvas ocasionais, algumas cidades com chuva significativa, como São João Del-Rei que nessa madrugada chegou a mais de 80 mm. A exceção é o Norte, Jequitinhonha e a faixa leste do Estado", explica. 

A previsão para este fim de semana, ainda conforme o especialista, é de tempo nublado com pancadas de chuva. "Esta nebulosidade só deve reduzir na terça-feira (8), com a diminuição desta frente fria", precisou o meteorologista. 
Recomendações
Juntamente com o alerta emitido, a Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (COMDEC) recomenda evitar áreas de inundação e não trafegar em ruas sujeitas a alagamentos e próximos aos córregos e ribeirões no momento de forte chuva, pois o seu nível pode se alterar rapidamente podendo acarretar transbordamentos.

  "Advertimos para que não se abrigue debaixo de árvores e estacione veículos, pois elas podem cair e ocasionar graves acidentes. Atenção especial também em áreas de encostas e morros", conclui.