Ato Jurídico conclui Processo de Beatificação do Padre Libério em nível diocesano

Após a celebração de Conclusão do Jubileu da Misericórdia (veja a reportagem aqui) realizada na noite deste domingo, 13, na Catedral de Divinópolis, aconteceu o Ato Jurídico que concluiu o Processo de Beatificação do Padre Libério em nível diocesano. 
 (Foto: Diocese de Divinópolis/Divulgação)

Agora o Processo segue para Roma, onde a Congregação para as Causas dos Santos assume os trabalhos no processo. Cardeal Angelo Amato, SDB, é o Prefeito da Congregação.
 
A Comissão Diocesana da causa da beatificação e canonização de Padre Libério é formada por Dom José Carlos, Padre Adelmo, Padre Francisco, Monsenhor Paulo, Padre Ydecy e Erivelta,
 
A Santa Missa que antecedeu o Ato Jurídico foi presidida pelo Bispo Diocesano, Dom José Carlos e concelebrada pelos padres Luis Carlos Amorim, Adelmo Sérgio, Guilherme Machado, Gilmar Pinheiro, Lúcio Camargos, Bento, Francisco Cota, Paulo Pereira, Júlio Antônio e pelos missionários Sacramentinos de Nossa Senhora, padres Márcio Pacheco e Heleno Raimundo. Os missionários Sacramentinos presentes são da comissão da causa de beatificação do Servo de Deus Padre Júlio Maria de Lombarde (clique aqui e conheça o Padre Júlio Maria).
 
Dom José Carlos conversou com a nossa equipe e deu mais detalhes das fases do Processo de Beatificação de Padre Libério: 
 

 
 
Em entrevista, o Postulador da Causa no Brasil, Padre Adelmo, falou do encerramento da parte histórica do processo: 
  



Fonte: Diocese de Divinópolis