O Campeonato Brasileiro vai chegando em sua reta final e o Cruzeiro, que ainda luta contra o rebaixamento, sofreu uma importante perda para os próximos dois jogos. O técnico Mano Menezes terá que cumprir suspensão de duas partidas por supostos xingamentos ao árbitro paranaense Rafael Traci, na partida contra o Botaogo, no dia 11 de setembro, em jogo da 24ª rodada do Campeonato Brasileiro. Essa foi a decisão tomada, nesta quinta-feira, pelo Pleno do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), que manteve a punição anunciada no último dia 29. 
Com a punição novamente chancelada pelo STJD, Mano Menezes não poderá ficar à beira do gramado nas partidas contra o Vitória, neste domingo, em Salvador, e no próximo sábado, contra o Atlético-PR, em Curitiba. 

Com base no artigo 258 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), Mano Menezes foi julgado por  “desrespeitar os membros da equipe de arbitragem, ou reclamar desrespeitosamente contra suas decisões”. Anteriormente, o departamento jurídico do Cruzeiro havia conseguido o efeito suspensivo, o que deu ao treinador a possibilidade de seguir treinando a equipe até o novo julgamento. O Cruzeiro não pode mais pleitear redução da pena, pois não cabe mais recurso à decisão do Pleno.