Pequenos produtores rurais mineiros terão espaço na Superminas

Feira empresarial busca melhorar o acesso dos pequenos aos grandes mercados compradores

Agência Minas

Iniciativa aproxima quem produz dos maiores compradores do estado

Vinte pequenos e médios produtores rurais selecionados durante o Circuito Mineiro de Compras Sociais (saiba mais) terão uma nova oportunidade de mostrar aos grandes compradores do Brasil e do mundo seus produtos e serviços. O encontro acontecerá durante a 30ª edição da Superminas, maior feira dos setores supermercadista e da panificação da América Latina (18 a 20 de outubro). Para dar visibilidade às marcas mineiras, será montado um estante para divulgação, degustação e apresentação dos produtos aos mais de 50 mil visitantes esperados para o evento.
A iniciativa de aproximar quem produz e os maiores compradores do estado é resultado de uma parceira entre o Governo de Minas Gerais, por meio do Fórum Permanente das Micro e Pequenas Empresas (Fopemimpe) – ligado à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Integrado e Fóruns Regionais (Seedif) -, Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agrário (Seda), Associação Mineira de Supermercados (Amis) e Sindicato e Associação Mineira da Indústria da Panificação (Amipão). O patrocínio é da Codemig.

Quem tiver interesse em conhecer o trabalho dos produtores selecionados, basta comparecer ao estande do Circuito Mineiro de Compras Sociais. “O Governo de Minas Gerais está investindo na criação de novas oportunidades de comércio para os pequenos produtores com o objetivo de fortalecer as economias regionais e incentivar o consumo de produtos de qualidade”, afirma Fábio Cherem, secretário da Seedif.

Pela primeira vez na Superminas, Nélson de Sousa Cunha, diretor da empresa Gran Gourmet Alimentos Finos, já se prepara para apresentar suas trutas e cogumelos para os representantes das grandes redes supermercadistas. Ele conta que atualmente fornece para pequenas redes de supermercados e restaurantes, mas que tem plenas condições de aumentar o fornecimento. “Nosso produto passa por um processo diferenciado de condicionamento, sem nenhum conservante, podendo durar até seis meses”, reforça.

O acesso dos pequenos negócios às gôndolas do segmento supermercadista é uma ação que traz benefícios econômicos e sociais para todos os envolvidos, na visão dos representantes do segmento. “Levar produtos feitos pelas agroindústrias familiares para as grandes redes fortalece toda a cadeia produtiva. Não é apenas mais uma opção de compra para supermercadistas de todos os portes, mas também para o consumidor”, destaca o superintendente da Amis, Antônio Claret Nametala. 

A 30ª edição da Superminas ocorre entre os dias 18 e 20 de outubro. Estão previstas atrações como rodadas de negócios, espaço internacional e promoção de incentivo aos negócios.  Nos auditórios serão mais de 40 atividades como palestras, fóruns, workshops, painéis e minicursos nos três dias.