"Palhaços macabros" são vistos nas ruas da cidade de Candeias/MG

As fotos estão circulando nas redes sociais e foram enviadas por moradores de Candeias/MG




Depois dos EUA e Canadá os palhaços assustadores ou ainda pior "os palhaços assassinos" como muitas pessoas os intitulam, chegam ao Brasil e pior na região sul de minas. Algumas imagens estão sendo divulgadas pelas redes sociais mostrando tais palhaços na cidade de Candeias/MG.
Ainda não foi confirmado se a imagem é uma montagem ou se realmente houve essa "brincadeira" na cidade, o que se sabe é que muitas pessoas estão assustadas. Muitas pessoas relatam não perdoar esse tipo de brincadeira, tendo em vista a onda de violência em toda região.
Em diversas cidades do Brasil e até mesmo no exterior muita brincadeira como essa se transformaram em tragédia, onde a vítima acaba fazendo a justiça com as próprias mãos, ao pensar que poderia estar sendo vítima de algum crime.
Fica o alerta caso as imagens sejam reais, para que esse tipo de "brincadeira" não volte a acontecer, ou caso esses indivíduos vestidos de palhaço apareçam, chame a polícia imediatamente.

Portal Campo Belo
 

DestakNews:

Após a suspeita de que as fotos dos palhaços não serem reais conforme citado na matéria, acabamos tendo esta comprovação após uma análise detalhada, feita pelo fotográfo Rafael Júnior.
 
Rafael aponta dois detalhes importantes nas imagens que confirma qu
e a imagem é uma montagem, pegaram uma foto noturna da frente de uma residência e colocaram sobre a mesma a foto de um palhaço, porem a montagem foi feita em dois anglos, para poder dar a impressão que foram tiradas duas fotos. Primeiro detalhe, se as fotos estivessem sido tiradas em ângulos diferentes, daria para perceber uma alteração na luz devido a mudança do ângulo, segundo ponto, observem que o poste de iluminação pública e o do orelhão, ambos reproduzem sombra no solo, mas o palhaço não tem sombra.

 
Moral da história, para não aparecer a sombra do palhaço ele teria que ser um fantasma. Por tanto esta foto é falsa, conforme afirmou o Fotográfo Rafael Junior.
O que temos são muitos mitos reproduzidos por pessoas que tem o intuito de provocar o medo na população, na nossa região não há nenhum caso comprovado, apenas especulações.