Carro é engolido por cratera em rua no centro de Viçosa/MG

Somente um homem de 49 anos estava no veículo e não ficou ferido; segundo a vítima, buracos já abriram exatamente no mesmo local pelo menos outras três vezes

O Tempo

 

Logo após parar em um sinal na manhã deste sábado (22), um morador de Viçosa, na Zona da Mata, percebeu que uma de suas rodas afundou e desceu do carro segundos antes do veículo ser engolido por uma cratera, no Centro da cidade. Felizmente ele era o único passageiro do veículo e ninguém ficou ferido no acidente.
O TEMPO conversou com o contador Rosvaldo Ferreira de Freitas, 49 anos, que contou que foi ao supermercado e se preparava para ir à um posto de combustível, por volta das 11h30, quando teve que parar em um sinal de trânsito na rua Padre Serafim. "De repente a roda do lado esquerdo afundou e eu tive uma iluminação e desci do carro. Foi o tempo de fechar a porta e o carro inteiro afundou", lembra.
Segundo ele, no momento ele só conseguia agradecer por não estar com a família dentro do veículo. "Se minha esposa e meu filho estivessem comigo a coisa poderia não ter sido tão tranquila como foi. Essa é a terceira vez, isso que eu tomei conhecimento, que essa cratera se abre. Acredito que a Prefeitura e a companhia de águas precisam fazer algo definitivo, pois um dia poderemos ter uma tragédia", reclama.
Um vídeo feito por testemunhas mostra o momento em que o carro termina de afundar, assista.



Freitas explica que no local passa um ribeirão, porém, ao invés de abrirem uma galeria, o curso d'água passa pro manilhas. "Elas não aguentam a pressão, principalmente quado chove muito como hoje (sábado). Aí a água vai assoreando e, de repente, o chão cede. Acontece que eles já trocaram a manilha quebrada e tamparam o buraco, vamos ver quanto tempo irá durar dessa vez", denuncia.
FOTO: ARQUIVO PESSOAL / DIVULGAÇÃO
buraco viçosa
Ainda na tarde deste sábado (22) o buraco voltou a ser tampado
O carro do contador, que danificou somente a lataria da parte dianteira na queda, acabou sofrendo perda total, uma vez que, ao ser removido da cratera, teve empenados os eixos do diferencial, o que inviabilizaria o conserto do carro.
A veículos de imprensa locais, a Defesa Civil municipal informou que a suspeita inicial é de que uma possível erosão subterrânea causada por um vazamento tenha causado a abertura da cratera. O veículo foi removido no início da tarde, porém, o trânsito continua interditado para veículos.