Piloto de parapente sofre queda no alto da serra da Bocaina, em Lavras/MG, veja fotos

Piloto de parapente sofreu queda no alto da serra da Bocaina, ficou ferido e foi resgatado por bombeiros 

Rapaz foi atendido pelos bombeiros e conduzido até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com diversas fraturas. Fotos: Bombeiros de Lavras

Um piloto lavrense de parapente sofreu um acidente na tarde de ontem no alto da serra da Bocaina. Ele fazia um voo e, em dado momento, perdeu o controle e tentou pousar, porém, o artefato agarrou num transformador de uma rede elétrica que leva energia às antenas retransmissoras que existem no alto daquele maciço, ele caiu e sofreu ferimentos.
O piloto de 38 anos foi resgatado pelo Corpo de Bombeiros, ele sofreu fraturas de fêmur, tíbia e fíbula da perna esquerda, além de algumas escoriações. Ele foi conduzido para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA), seu estado de saúde é bom, ele não corre risco de morte.
Apesar de existir uma estrada que dá acesso ao alto da serra, foi um resgate difícil, pois a estrada não está conservada, tem buracos, é estreita e o veículo usado pelos bombeiros foi uma ambulância, um carro de dimensões consideráveis, e chegar ao alto da serra dirigindo uma ambulância com muitos equipamentos exigiu muita habilidade do condutor do veículo.
A serra da Bocaina é muito usada pelos pilotos de parapente, em Lavras existe um grupo de adeptos desta prática esportiva, são profissionais liberais, empresários e outros, que passam horas no céu, no silêncio, e são privilegiados, eles nos vêem aqui embaixo como fazem os pássaros.
Apesar desta forma de voar requerer muita perícia do piloto, este esporte é seguro, acidentes como o que ocorreu ontem na serra da Bocaina são raros, se considerarmos o número de voos que são realizados diariamente em toda região.

 Fonte: Jornal de Lavras