Coveiro se recusa a abrir cova e parentes de morta fazem enterro, veja na reportagem

 Com Record Minas

(Foto Reprodução TV Record)

A família de uma mulher de 48 anos que morreu na última sexta-feira (31), em Divinópolis, no centro-oeste do Estado, está indignada. O coveiro do Cemitério Municipal da cidade se recusou a abrir a cova para que o corpo dela fosse enterrado. Foram os parentes e amigos da mulher que realizaram o trabalho durante o funeral.