Duas pessoas foram presas pela Polícia Civil de Minas Gerais, na manhã desta sexta-feira (5), pelo envolvimento no homicídio de Paulo Henrique Vitor, de 26 anos.

Hoje em Dia
Os investigados Pablo Henrique de Souza Silva, de 19 anos, e Marcos Mendes dos Santos (conhecido como Bilisco), de 26, foram detidos durante operação policial realizada no bairro Jardim América em Belo Horizonte. Paulo Henrique teria sido queimado, ainda vivo, em 9 de fevereiro deste ano.
A Polícia já havia cumprido mandado de prisão, no dia 28 de abril, contra Samuel Souza do Carmo, conhecido como Teie, de 22 anos, pelo mesmo crime. Na ocasião, foram apreendidos com o suspeito um carro roubado e uma arma. Continua foragido o investigado Iago Junio Rocha Mendes.
Crime
No dia do crime, Paulo Henrique teria iniciado uma discussão com o primo de Samuel. Pouco tempo depois, nas proximidades da casa da vítima, estava o grupo composto pelos nove investigados, entre eles, cinco adolescentes.
Em determinado momento, os suspeitos chamaram o jovem para um beco com o pretexto de fazerem uso de drogas. No local, o grupo iniciou as agressões contra a vítima. Em chamas, a vítima ainda gritou por ajuda. Segundo a delegada Ingrid Estevam, Paulo Henrique chegou a ser socorrido por moradores da região. Antes de morrer, a vítima chegou a revelar o nome de quatro pessoas envolvidas no crime. No dia do homicídio, policiais civis apreenderam dois menores de idade que participaram do delito. Toda a ação teria sido planejada por Samuel.