Pelo menos 6 mil pessoas já se cadastraram no site 'Celular Seguro'

Projeto quer colocar identificadores nos celulares para diminuir índices de roubos, furtos e receptações


O site "Celular Seguro", projeto que institui um banco de dados com informações de celulares para diminuir o número de roubos já teve pelo menos 6 mil pessoas cadastradas. As informações são armazenadas por meio do Imei (International Mobile Equipment Identity), sigla em inglês para o número de identificação contido em cada aparelho. O projeto foi apresentado oficialmente nesta quarta-feira (24) no 48º Batalhão da Polícia Militar, em Ibirité, região metropolitana de Belo Horizonte.
“A nossa expectativa é que haverá uma inibição do furto e do roubo de celulares, assim como da compra e venda desses aparelhos roubados. A intenção é que as pessoas confiram se o telefone que elas estão adquirindo da mão de terceiros é furtado ou roubado. A receptação também é crime”, explicou o tenente coronel Hércules de Paula Freitas, comandante do batalhão.
Segundo ele, a partir de agora, durante as abordagens aos cidadãos, além do documento de identidade, a corporação vai passar a pedir que as pessoas apresentem o número do Imei do aparelho telefônico. “Da mesma maneira que em uma abordagem policial solicitamos a identificação pessoal ou de um veículo, por exemplo, vamos pedir também a identificação do aparelho telefônico. Se o número do aparelho constar no sistema como roubado, todas as medidas legais serão adotadas”, disse o comandante. Inicialmente, as abordagens e consultas serão realizadas na área de atuação do 48º Batalhão da PM.
O objetivo da Polícia Militar de Minas Gerais é apresentar o site “Celular Seguro” para as demais polícias militares de todos os Estados do Brasil. “A intenção é ampliar o projeto e aumentar o foco de atuação. De qualquer forma, independentemente se a pessoa mora em Minas ou outro lugar do país, a PM recomenda o cadastro do aparelho no banco de dados”, detalhou o tenente coronel Hércules de Paula Freitas.

Clique aqui e Cadastre o seu Celular no Portal da PMMG.