Câmera de televisão despenca de cabo no Parque Olímpico e fere cinco pessoas

Estadão Conteúdo

Equipamento despencou dos cabos e atingiu pelo menos cinco pessoas

Quatro mulheres e um homem se feriram durante a queda de uma câmera aérea no Parque Olímpico da Barra. O cabo que conduzia a "spider cam", como é chamada, se rompeu próximo à Arena Carioca 1 e atingiu duas mulheres que caminhavam pelo local. O cabo também atingiu outras três pessoas.
Segundo a assessoria do Comitê Rio-2016, as vítimas tiveram ferimentos sem maiores gravidades e foram encaminhadas para atendimento no posto médico do Parque Olímpico, e posteriormente levadas ao Hospital Lourenço Jorge, localizado a poucos quilômetros do local.
A câmera pertence a OBS, responsável pela geração de imagens dos Jogos Olímpicos do Rio-2016. No Parque Olímpico, uma delas fica o tempo todo circulando pelo alto da principal área de convivência do local.