Nova Serrana registra 71 ocorrências de assalto no primeiro semestre

Casos registrados de janeiro a junho preocupa população no Centro-Oeste.

TV Integração/G1

(Foto Reprodução)
Autoridades se reúnem para definir medidas; PM local explica ações.

A violência tem sido motivo especial de preocupação em Nova Serrana, cidade com 89.859 habitantes no Centro-Oeste de Minas. De acordo com a Polícia Militar (PM), de janeiro a junho de 2016 foram registrados 71 assaltos a estabelecimentos comerciais. A maioria é composta por adoscentes e jovens.
Em uma semana, dois assaltos a empresas foram registrados. Em um deles, um adolescente que era suspeito do crime morreu. No outro, um empresário foi baleado. O setor calçadista é o que mais emprega na cidade. Ao todo, são 1,2 mil indústiras desse segmento em operação, que geram 42 mil empregos diretos e indiretos.

Representantes do setor calçadista, Ministério Público e das polícias Civil e Militar se reuníram para discutir ações conjuntas para diminuir a criminalidade. Medidas que seriam encaminhadas ao Estado. O MP afirma ter definido algumas estratégias. Uma delas é a adequação do prédio da antiga cadeia, que está desativado, para acautelar adolescentes infratores. Outra proposta é a criação de um programa de monitoramento de presos em regime semiaberto em prisão domiciliar.
Ainda segundo a PM, na cidade o efetivo é de 154 policiais militares. Eles são responsáveis por outras cinco cidades da região.