Morte de criança por meningite causa histeria em Divinópolis e corrida para consultórios médicos



De acordo com o portal DiviNews, diversos consultórios de médicos pediatras particulares de Divinópolis, estiveram simplesmente lotados, segundo informações de várias fontes. 

O de uma conhecida médica na cidade, por volta das 20 horas desta quinta-feira (30) tinha cerca de 100 crianças para serem vacinadas. E conforme a fonte de informação, o valor das vacinas chegam a mil reais, sendo que o da meningite do tipo “A” custa R$ 650 reais e a tipo “B”, R$ 350 reais. Um pai que não quis se identificar afirmou que pelo sim, pelo não, é melhor tomar medidas preventivas, que não quer correr nenhum risco com seus filhos.

A meningite é uma inflamação das meninges, um tecido que reveste o cérebro e toda a medula espinhal. Existem 2 tipos de meningite, são eles a meningite viral e a meningite bacteriana.
A meningite viral é causada por vírus que costumam se manifestar no verão e afetar principalmente jovens a partir dos 15 anos de idade. Esse tipo de meningite é menos grave, e desenvolve sintomas parecidos com os da gripe como febre, mal-estar e dores no corpo, sintomas que se tratados corretamente podem desaparecer em 10 dias. A transmissão é feita através do contato direto com secreções de pessoas infectadas.

 
Meningite Bacteriana
A meningite bacteriana é geralmente causada pela bactéria Neisseria Meningitidis. Este é um tipo de meningite mais grave e se não for diagnosticada de forma precoce pode levar a morte ou deixar sequelas como surdez ou lesões cerebrais, por exemplo.

Essas bactérias penetram no organismo através das vias respiratórias e acabam infectando o cérebro. Indivíduos com meningite bacteriana devem ser tratados com antibióticos específicos em um ambiente hospitalar.

Sintomas da doença

O sinais e sintomas de meningite nos adultos e em crianças maiores de 2 anos de idade surgem de forma repentina e inicialmente são caracterizados por febre alta, acima de 39ºC, e dor de cabeça forte, o que facilita a confundir a doença com uma gripe comum.

Essa doença pode ser causada por vírus, bactérias, fungos ou parasitas, e a gravidade e o tratamento variam de acordo com a causa da doença, sendo a meningite bacteriana a forma mais grave da doença

A forma mais comum de pegar meningite é entrar em contato com pessoas que estão infectadas, sendo importante estar atento ao aparecimento dos seguintes sintomas:

Febre alta e repentina;
Dor de cabeça forte e difícil de passar;
Náuseas e vômitos;
Dor e dificuldade para mover o pescoço;
Tontura e dificuldade de concentração;
Confusão mental;
Dificuldade para encostar o queixo no peito;
Sensibilidade à luz e aos ruídos;
Sonolência e cansaço;
Falta de apetite e de sede.

Além disso, também podem surgir manchas vermelhas ou rochas na pele de tamanhos variados, o que caracteriza a meningite meningocócica, uma forma grave da doença. Veja mais detalhes sobre essa forma da doença aqui e saiba quais são os exames necessários para saber se é meningite e qual o seu tipo.

Quando ir ao médico

Logo que surgirem os sintomas de febre, enjoos, vômitos e dor de cabeça muito forte deve-se procurar o médico para fazer exames e verificar a causa do problema.

A meningite é diagnosticada a partir de exames de sangue e do líquor, que é o líquido que está presente na espinha vertebral. Esses exames permitem saber qual o tipo da doença e o tratamento mais adequado. Veja como é feito o tratamento para cada tipo da doença.

Vacinas da meningite
As vacinas contra meningite fazem parte do calendário básico de vacinação da criança e devem ser administradas aos 1, 3, 4, 5, 6, 12 e 15 meses. Entretanto, ainda não existe vacina para todos os tipos de meningite.

Indicações da vacina contra meningite

A vacina contra meningite é administrada em bebês de acordo com a sua idade.

A vacina Tetravalente é administrada ao 2, 4 e 6 meses.
A vacina Pneumocócica 10 (conjugada) é administrada aos 2, 4, 6 e 12 meses.
A vacina Meningocócica C (conjugada) protege conta a meningite tipo C.

Adultos não vacinados podem tomar as vacinas no posto de saúde de sua cidade e nas campanhas de vacinação realizadas pelo governo.

Efeitos colaterais da vacina da meningite

Efeitos colaterais passageiros, incluindo: dores, vermelhidão e inchaço no local da picada da injeção, febre, irritabilidade, falta de apetite, dores de cabeça e até anafilaxia.

Contra indicações da vacina contra meningite

Reações de hipersensibilidade a qualquer um de seus componentes.