Fernando Pimentel preside solenidade de entrega da Medalha Dom Pedro II no dia Nacional do Bombeiro

Foram agraciadas 79 personalidades durante ato que marcarão Dia Nacional do Bombeiros

Agência Minas

Solenidade de entrega da Medalha da Ordem do Mérito Imperador Dom Pedro II e da Comenda Bombeiro Honorário 2016
Em comemoração ao Dia Nacional dos Bombeiros, o governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel, presidiu nesta sexta-feira (1º/7), no Auditório JK, na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, a solenidade de entrega da Medalha da Ordem do Mérito Imperador Dom Pedro II e da Comenda Bombeiro Honorário 2016. Este ano, foram 79 agraciados com a medalha. O vice-governador do Estado, Antônio Andrade, e o presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Adalclever Lopes, receberam a comenda de Bombeiro Honorário.
Pimentel ressaltou que o trabalho dos Bombeiros Militares de Minas Gerais é referência para o Brasil. “Tenho certeza de que essa corporação, se não é a mais querida, é uma das mais queridas, não do Estado, mas do Brasil inteiro. Acho que, em qualquer lugar, o Bombeiro é reconhecido como aquele que arrisca a sua vida para salvar a vida do próximo. Nada mais justo que vocês tenham esse reconhecimento”, afirmou.
O governador relembrou a atuação da corporação no atendimento às vítimas do rompimento da barragem de Fundão, da empresa Samarco, em Bento Rodrigues, distrito de Mariana. “No caso de Minas, nós temos um exemplo recente, que já está fazendo quase um ano, que foi a tragédia em Mariana e depois ao longo do rio Doce. Fui testemunha porque estive lá pelo menos quatro vezes e vi o que os Bombeiros fizeram todo o tempo. E aí, ao agraciar com a medalha Dom Pedro II os voluntários que prestaram um serviço ali, naquele dia, os Bombeiros mostram que, além de desempenharem a sua função, sabem também reconhecer o trabalho da população civil ao seu lado”, completou.
Uma das agraciadas foi a auxiliar de serviços gerais Paula Geralda Alves, moradora de Bento Rodrigues, que ajudou a avisar a população no momento da tragédia. “A nossa querida Paula está aqui recebendo a medalha. Ela, que saiu na sua moto e avisou a população de Bento Rodrigues do rompimento da barragem, certamente evitando, com isso, que a tragédia fosse ainda maior”, lembrou Pimentel.
"Em meio ao medo e ao desespero, saí correndo para avisar as pessoas e, graças a Deus, deu certo. Eu queria salvar o maior número de vidas que eu conseguisse. Era viver ou morrer e eu decidi viver. É tudo muito triste, mas o mais importante é a vida. O resto a gente vai correr atrás”, disse Paula Geralda, que foi recebida por Pimentel.
O vice-governador de Minas Gerais, Antônio Andrade, agraciado com a comenda de Bombeiro Honorário, também ressaltou o papel da Corporação. "Hoje é um dia especial, de homenagear uma corporação exemplar, com valorosos serviços prestados ao País. Em Minas, são 105 anos de história de prevenção, combate ao incêndio e, sobretudo, zelo pela vida. Para mim, receber a comenda de Bombeiro Honorário é motivo de grande honra. Pude me sentir parte desta instituição tão respeitada pelos mineiros", afirmou.
Ações
O governador lembrou algumas das ações realizadas pelo Estado em prol do Corpo de Bombeiros. “Nós temos nos esforçado, apesar de toda a dificuldade financeira, para dotar a corporação com equipamentos e apoio necessários para desempenhar bem o seu serviço. Esse ano, já entregamos 63 viaturas novas e, até o fim do ano, mais 100 serão entregues. Em agosto, vamos inaugurar a academia nova dos Bombeiros em Contagem”, completou.
Criada em 2002, a honraria Dom Pedro II homenageia personalidades civis ou militares, brasileiros ou estrangeiros, além de instituições que, por suas atividades profissionais e sociais, contribuíram para o engrandecimento da corporação do Bombeiro Militar de Minas Gerais.
Também participaram do evento o comandante-geral do Corpo de Bombeiros, coronel Luiz Henrique Gualberto Moreira, os secretário de Estado de Defesa Social, Sérgio Menezes, e de Desenvolvimento Agrário, Professor Nivaldo, o advogado-geral do Estado, Onofre Alves Batista Júnior, deputados federais e estaduais, prefeitos e bombeiros militares.