"ALERTA DE ESTELIONATO" Estelionatário tenta aplicar golpe em nome de hospital em Divinópolis, saiba mais



Fique atento a este tipo de golpe que vem ocorrendo com uma certa frequência, saiba como proceder nestes casos.
Neste último sábado 02/07, por volta das 17 Horas, a Viatura Policial sob o comando do Sgt (PM) Lima, deslocou até o Bairro Campina Verde em Divinópolis, para atender solicitação sobre o Delito Penal Capitulado no Artigo 171 Do Código Penal Brasileiro, ou seja, Crime de Estelionato.

No local, a vítima relatou ao Militar, que seu genitor encontrava- se internado há aproximadamente 12 Dias no Hospital Santa Lúcia devido a Problemas pulmonares, que na data do dia 01 de julho seu quadro clínico teve uma piora e, consequentemente, se fez necessário Realocar o Paciente na Unidade de Tratamento Intensivo, que então, recebeu uma ligação em seu Aparelho de telefonia celular (Ligação Confidencial).
Que o interlocutor possuía Voz Masculina, era extremamente educado, que se identificou como Médico do Hospital Santa Lúcia e disse que após seu Genitor ser transferido para a UTI constatou que seria necessário, realizar alguns procedimentos médicos até então não previstos. Para realização destes procedimentos hospitalares, o Suposto Médico solicitou que fosse realizado um depósito em sua Conta Bancária no valor de R$ 3.000,00 Reais, fato que Levantou suspeição da Vítima, a qual, deslocou até o Hospital Antes de Efetuar o Depósito e detectou que o Suposto Médico nunca havia trabalhado no Hospital e nenhum funcionário conhecia tal cidadão em Divinópolis. A vítima disse que por telefone o Falsário explanou com Exatidão os dados de seu genitor e de sua Grave Doença, ou seja, possivelmente as Informações foram colhidas dentro do hospital por algum funcionário. A Agência que fora solicitada para efetuar o Depósito fica localizada no Estado do Mato Grosso.
Em Divinópolis vem sendo Registrado algumas ocorrências com o mesmo Modus Operandi, inclusive já teve Vítima que perdeu mais de R$ 5.000,00 neste Golpe. O Autor sempre age num momento de Aflição da Vítima e dos demais familiares.

Orientação da Polícia

O Sargento (PM) Lima, alerta; caso venha ocorrer este fato com outras pessoas, primeiramente façam contato no Hospital para verificar a Veracidade da Informação, mantenha a Calma, converse com conhecidos primeiramente e nunca passe seus dados por Telefone.
Assim como nos Crimes Pretéritos, neste último sábado (02), foi lavrado a Ocorrência, a qual foi encaminhada para a Delegacia Especializada pelos Crimes de Estelionato, para que seja instaurado o Inquérito Policial e, consequentemente se chegue na Autoria dos Delitos Penais.