No Dia Mundial do Leite, saiba qual tipo é mais adequado para o seu consumo

A Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) comemora no dia 1º de junho o Dia Mundial do Leite. 

O objetivo é chamar a atenção para os benefícios do produto para a saúde e prevenção de doenças, como a osteoporose.
O Sindicato da Indústria de Laticínios do Estado de Minas Gerais (Silemg)  fará nesta quarta-feira a Blitz do Leite, na Praça da Assembleia, entre 7h e 11h. Serão distribuídas cartilhas com orientações sobre o assunto, e a população também poderá fazer degustação de produtos lácteos.
Mas você sabe quais as diferenças entre os tipos de leite que nós encontramos nas prateleiras dos supermercados? A nutricionista clínica/esportiva Cristiane Loureiro explica as composições do leite vendido e destaca as recomendações para consumo.

Leite Integral (tipo A, B, C)
O leite integral é o mais consumido e sua denominação refere-se à quantidade de gordura encontrada nele, ou seja, não há processo químico para retirar a gordura natural do leite - ela está presente de forma integral em sua composição. A diferença entre os tipos A, B, C se deve à quantidade de microorganismos (bactérias) presente na composição do leite após passar pelo processo de pasteurização, que irá interferir na data de validade para consumo após o envase, variando de 2 a 5 dias.
O leite em sua versão integral é o mais indicado para crianças a partir dos dois anos de idade. Vale ressaltar a importância do aleitamento materno até os 2 anos de idade. A gordura presente no leite integral é importante para a formação do sistema nervoso da criança, para o crescimento e manutenção de dentes e ossos saudáveis, além de conter as vitaminas A, B e K. No entanto, aqueles indivíduos que precisam controlar o peso ou equilibrar as taxas de colesterol em níveis saudáveis devem consumir o produto com moderação, pois o leite integral contém em sua composição maior teor de gordura ,principalmente a saturada , quando se comparado com as demais versões.
Num copo de 200 ml de leite integral são consumidos*:
Calorias: 120 kcal
Proteínas: 6 g
Gordura total: 6,4 g
Gordura saturada: 4,2 g
Cálcio: 234 mg
* os valores nutricionais do leite integral tipo A, B e C são semelhantes.


Leite Semidesnatado
O leite semidesnatado possui em sua composição redução dos teores de gorduras que pode chegar até 50%, segundo preconiza a Anvisa ,quando comparado ao leite integral. Por esse motivo, é uma excelente opção para aqueles indivíduos que necessitam realizar controle do peso, “Costumo indicar aos pacientes como uma boa opção para a transição entre a versão integral e desnatado , para se adaptar ao sabor e textura", diz Cristiane Loureiro.

Num copo de 200 ml de leite semi-desnatado são consumidos: 
Calorias: 90 kcal
Proteína: 6,0 g
Gordura total: 3,1 g
Gordura saturada: 1,7 g
Cálcio: 231 mg

Leite Desnatado
Segundo a Anvisa,  o leite desnatado deve apresentar uma redução total de gorduras (totais e saturadas) quando se comparado ao leite integral (podendo apresentar no máximo 0,5 grama de gordura em sua composição). É uma ótima opção para quem busca hábitos de vida saudável, pois sabemos que o consumo inadequado de gorduras saturadas está diretamente associado ao desenvolvimento de doenças do coração e à obesidade. É indicado também para o grupo de indivíduos que precisam reduzir o consumo de gorduras na alimentação. Atualmente, já existem no mercado leites desnatados fortificados com adição de cálcio, vitaminas, zinco e ferro, o que pode ser interessante, principalmente, para mulheres na menopausa  em que pode haver uma redução no consumo e absorção de cálcio.

Num copo de 200 ml de leite desnatado são consumidos: 
Calorias: 70 kcal
Proteína: 6,0 g
Gordura total: 0,0 g
Gordura saturada: 0,0 g
Cálcio: 228 mg

Leite Zero lactose
Esse tipo de leite é destinado a indivíduos com  intolerância à lactose, ou seja, por quem não consegue digerir completamente a lactose, que é o açúcar naturalmente presente no leite. No mercado ,atualmente existem diversas versões de leite integral e semi-desnatado com zero lactose, porém deve-se ficar atento com os leites de baixa lactose, pois eles possuem na sua composição a enzima lactase para auxiliar na digestão, sendo indicados para indivíduos com grau baixo de intolerância à lactose. Se você tem intolerância, é importante manter o acompanhamento com o nutricionista para lhe indicar a melhor opção para consumo.


Num copo de 200 ml de leite zero lactose são consumidos: 

Calorias: 82 kcal
Proteína: 6,2 g Lactose: 0 g
Gordura total: 2,4 g
Gordura saturada: 1,5 g
Cálcio: 232 mg

Num copo de 200 ml de leite baixa lactose são consumidos: 
Calorias: 120 kcal
Proteína: 6,4 g
Lactose: 0,9 g
Gordura total: 6,4 g
Gordura saturada: 3,6 g
Cálcio: 237 mg


(Referência: TACO - Tabela Brasileira de Composição de Alimentos - Unicamp)