Motorista provoca batida e mata universitário em Montes Claros/MG

Segundo populares, jovem bebeu, pegou carro e atingiu vítima, que conduzia uma motocicleta; condutor do carro estava com PPD

Vítima tinha 23 anos

Um universitário de 23 anos morreu após ser atingido por um carro, na noite dessa segunda-feira (6), em Montes Claros, no Norte de Minas. Segundo populares, o condutor do veículo de passeio que provocou o acidente teria ingerido bebidas alcoólicas.
De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, testemunhas contaram que Hiago Rocha Santos, de 23, seguia no sentido centro/bairro quando, no cruzamento da avenida Deputado Esteves Rodrigues com rua Santa Maria, foi atingido por um Punto conduzido por um homem de 19 anos.
O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas o jovem teve politraumatismo e não resistiu. O garupa, um jovem de 18 anos, foi socorrido até a Santa Casa com suspeita da fratura em um dos braços.
Ainda conforme populares, no momento do acidente, o Punto estava em alta velocidade e avançou o semáforo que estava fechado para o carro de passeio. Em conversa com militares, ainda conforme o documento, o motorista, que apresentava olhos vermelhos, andar cambaleante e hálito etílico, confessou ter bebido, mas se recusou a realizar o teste do bafômetro.
Na madrugada desta terça-feira (7), ele foi conduzido à delegacia de plantão da cidade. Segundo a assessoria de imprensa da Polícia Civil, ele passou por exames na delegacia e não ficou comprovada a embriaguez.
Ainda de acordo com a corporação, câmeras do Olho Vivo gravaram desde a saída do jovem do bar até o momento do acidente e ficou comprovado que ele praticava direção perigosa. Há indícios que ele estaria participando de um racha.
O jovem foi autuado por homicídio doloso, quando há a intenção de matar, e encaminhado ao sistema prisional.
Motorista tinha PPD
O motorista que provocou o acidente tinha Permissão Para Dirigir (PPD), que é o primeiro documento de habilitação e vale por um ano. Apenas após esse período é liberada a carteira de habilitação definitiva.
Com a PPD, o condutor que cometer infração de natureza grave ou gravíssima ou reincidente em infração tem a permissão para dirigir cassada.
Estudante estava no último período do curso de Direito
Santos era aluno da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) e cursava o 10º período do curso de direito. Segundo a assessoria de imprensa da instituição, o estudante era voluntário de projetos de extensão no serviço de assistência jurídica gratuita.
Por meio de uma nota no Facebook, a universidade se solidarizou com a família.

Veja a nota na íntegra:
“A Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) comunica, com imenso pesar, o falecimento de Hiago Rocha Santos, acadêmico do décimo período do curso de Direito e voluntário do SAJ Unimontes, vítima de acidente de trânsito, ocorrido na noite dessa segunda-feira (6/6), em Montes Claros.
O corpo está sendo velado no Velório 1 do Cemitério Parque Jardim da Esperança, onde acontecerá o sepultamento às 17h30 desta terça-feira (7/6).
Neste momento de profunda dor, a Reitoria e a comunidade acadêmica se solidarizam com a família enlutada”.
 
Publicidade:



CORETO'S RESTAURANTE E CHOPERIA. A melhor comida mineira de Itapecerica.
Tel. (37) 3341-1012