"Acidente Trágico" Colisão de caminhão com carro e moto deixa saldo de três mortos na BR 458 em Ipatinga/MG

Um acidente fatal deixou três mortos e uma pessoa ferida, por volta das 18h desta terça-feira (21), na BR-458, em Ipatinga, nas proximidades da ponte sobre o ribeirão Ipanema, na saída do bairro Castelo para o aeroporto de Santana do Paraíso.
No local do acidente, testemunhas dizem que um caminhão da empresa TGC descia sentido ao aeroporto, quando ao aproximar-se da ponte sobre o ribeirão Ipanema, ao lado da Estação de Tratamento de Esgoto da Copasa, um ônibus da Univale da linha Ipatinga/Ipaba, reduziu a velocidade por causa de outro veículo à frente.
O condutor do caminhão, para não bater na traseira do ônibus, jogou para a esquerda. Com isso, invadiu a contramão de direção e atingiu frontalmente um Ford Ka sedan, que trafegava sentido a Ipatinga e uma motocicleta.
A motorista do Ford Ka morreu na hora, presa às ferragens, bem como também morreram dois jovens que estavam na motocicleta. Eles  ficaram caídos em uma canaleta, à margem da pista. Os corpos foram resgatados por equipes do Corpo de Bombeiros Militares. 
O motorista do caminhão, Rodrigo Lopes da Silva, de 39 anos, saiu com ferimentos leves e foi levado para o Hospital Márcio Cunha, segundo informações da Polícia Militar Rodoviária, pelo resgate do Samu. 
A condutora do Ford Ka, vítima do acidente, foi identificada como Anemilda das Graças Inácio Marinho, que complegou 41 anos no dia 3 de junho. Ela é natural de Vermelho Novo e moradora do bairro Canaã, de acordo com as primeiras informações de conhecidos de Anemilda.
Populares informaram que Anemilda trabalhava em uma empresa de engenharia, localizada no Distrito Industrial de Santana do Paraíso e, na hora do acidente, voltava do trabalho para casa.  
Também foi identificado o condutor da motocicleta. Trata-se de Douglas Robert Ferreira Fraga, de 23 anos, natural de Ipaba. O passageiro da motocicleta foi identificado no local do acidente, por familiares muito comovidos, como Walerson Santos Dias, ambos moradores da cidade de Ipaba e seriam funcionários de um posto de combustíveis na margem da BR-458.
Na hora do acidente o ônibus da Univale estava cheio. Como o caminhão também atingiu a parte esquerda da traseira do coletivo, o vidro estilhaçou, mas, nenhum passageiro do ônibus se feriu. 

O caminhão estava carregado com rejeitos siderúrgicos (lama preta), que eram transportados da planta da Usiminas, para a estação de tratamento localizada a cerca de um quilômetro do local. Com o impacto, a lama espalhou por todos os lados no local do acidente. 
 
Por causa do acidente, o trânsito na BR-458 foi completamente fechado, nos dois sentidos.

Com Informações: Diário do Aço