Santos traz empate de Osasco e vai decidir na Vila

Nova igualdade leva a decisão para os pênaltis

 

Ronaldo Mendes fez o gol de empate
( Brazil Photo Press/Folhapress)

O Santos empatou com o Audax em 1 a 1 no primeiro jogo da final do Campeonato Paulista, disputada na tarde deste domingo (1º), em Osasco. Os gols foram marcados por Mike, para os donos da casa, e Ronaldo Mendes. Os clubes se enfrentam novamente no próximo domingo (8). Quem vencer fatura o título estadual. Novo empate leva a decisão para os pênaltis.
O Peixe preferiu apostar nos contra-ataques para tentar vencer fora de casa. Com isso, a equipe criou mais oportunidades de gol do que o rival. Os santistas só não chegaram ao intervalo em vantagem por causa da trave.
Aos 36 minutos, em contragolpe, Ricardo Oliveira partiu pela direita e invadiu a área. O camisa 9 chutou firme e carimbou o poste. Cinco minutos depois, o centroavante cobrou falta, o goleiro Sidão defendeu, e a bola acertou a trave novamente.
Enquanto o Santos criava chances reais, o Audax sofreu para envolver a defesa alvinegra. Apesar dos 59% de posse de bola na etapa inicial, os donos da casa só ameaçaram Vanderlei em dois momentos.
No primeiro, aos 21, Ytalo finalizou de fora da área para boa intervenção do arqueiro. No segundo, já nos acréscimos, Mike foi lançado e tentou bater para o gol. A bola foi para fora.
No segundo tempo, o mesmo cenário. O Santos seguiu em cima do adversário, desperdiçando grandes jogadas. Em uma delas, aos 6 minutos, Vitor Bueno, livre na área, cabeceou para fora.
Os erros de finalização custaram caro. Aos 12, após boa troca de passes, Mike recebeu na área, tirou a zaga e bateu firme no canto esquerdo de Vanderlei, abrindo o placar.
Em desvantagem, os santistas partiram para cima. Aos 16, David Braz lançou Lucas Lima. De frente para Sidão, o meia disparou para nova intervenção do goleiro do clube de Osasco. No lance, Lucas sofreu um entorse no tornozelo direito e precisou ser substituído por Ronaldo Mendes.
Com os visitantes no ataque, sobrou espaço para o Audax. Em contra-ataque, aos 24, Mike ficou cara a cara com Vanderlei. O avante finalizou, e o goleiro alvinegro tirou com a ponta dos dedos.
Dorival Júnior  resolveu mexer na equipe. Sacou o apagado Vitor Bueno e mandou a campo Paulinho. O Peixe decidiu subir a marcação. Funcionou.
Aos 34, o Audax errou na saída de bola. Ronaldo Mendes chutou de longe e balançou a rede.
O 1 a 1 fez os comandados do técnico Fernando Diniz partirem para o ataque. Apesar da pressão, o empate permaneceu até o apito final.
Ficha técnica:
Audax
Sidão; André Castro, Yuri, Bruno Silva e Velicka; Tchê Tchê, Camacho e Juninho (Wellington); Mike, Bruno Paulo e Ytalo. Técnico: Fernando Diniz.
Santos
Vanderlei; Victor Ferraz, David Braz, Gustavo Henrique e Zeca; Thiago Maia, Renato, Vitor Bueno (Paulinho) e Lucas Lima (Ronaldo Mendes); Gabriel (Joel) e Ricardo Oliveira. Técnico: Dorival Júnior.
Gols: Mike, aos 12, e Ronaldo Mendes, aos 34 minutos do segundo tempo. Cartões amarelos: André Castro e Wellington (Audax); Gustavo Henrique e Lucas Lima (Santos). Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza. Renda: R$ 463.730,00. Público: 12.669 pagantes. Local: Estádio José Liberatti, em Osasco (SP).