Defesa Civil analisa possíveis danos a prédio da Santa Casa de BH atingido por incêndio

Hoje em Dia
 
Chamas destruíram o anexo da unidade de saúde
 
A Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Comdec) de Belo Horizonte fará nesta quinta-feira (5) vistoria no prédio da Santa Casa que foi atingido por incêndio na noite de quarta-feira (4).
Técnicos do órgão vão avaliar a estrutura do imóvel para saber se ele oferece risco aos pacientes e funcionários da unidade de saúde. O trabalho terá início assim que a equipe constatar que o local está seguro para realização da perícia.
Durante a madrugada, o Corpo de Bombeiros permaneceu no anexo do hospital que pegou fogo fazendo o rescaldo. Segundo a corporação, nenhuma vítima foi localizada. Contudo, militares continuam fazendo buscas no local. 
Para debelar as chamas, os bombeiros informaram que tiveram que utilizar 60 mil litros de água. No total, 46 militares em 15 viaturas atuaram na ocorrência.

Incêndio

Na noite de quarta-feira, um incêndio destruiu um dos anexos da Santa Casa, na rua Piauí, bairro Santa Efigênia, na região hospitalar. As chamas, que começaram por volta das 18 horas, atingiram o Centro de Estudos, uma área de pesquisa e o setor de Engenharia Clínica, responsável pela manutenção de todos os equipamentos elétricos e eletrônicos no hospital.
As chamas ameaçaram também uma caldeira, que fica ao lado do anexo, e a antiga maternidade. Segundo o nefrologista Milton Campos Neto, os pacientes da hemodiálise, que também fica próxima ao local, foram retirados e os equipamentos desligados.
Material de pesquisa, exames e amostras armazenadas em freezers podem ter ficado comprometidas com o incêndio. Cilindros de oxigênio e outros materiais inflamáveis que estavam em um almoxarifado no subsolo do anexo foram retirados para evitar risco de explosões.